Promessas de Ano Novo

Tinha ido ao Centro com o propósito de agradecer a Deus pelo ano que estava terminando e também para fazer meus pedidos para o Ano Novo. Havia muito a agradecer. Dos pedidos do ano anterior, só faltou o namorado; por isso mesmo era agora o primeiro item da lista. Um homem inteligente, bonito, gostoso e valente, do tipo que sabe o quer e luta por isso.

O salão do Centro do Seo Osvaldo Mello estava praticamente vazio àquela hora da manhã. Mal cheguei, a porta do reservado se abriu para os que desejavam tomar o passe. Não vi quem era, mas alguém entrou comigo. Após a belíssima oração e o passe mediúnico, tomei o copo de água fluidificada que um homem gentilmente me ofereceu, agradeci sem olhá-lo e saí à rua. Ele seguia à minha frente. De repente parou e eu passei, distraída com meus pensamentos. Dirigia-me à escadaria que leva à Avenida Osmar Cunha quando ele emparedou comigo e perguntou, na lata:

– Tu moras em Barreiros? Surpresa e rindo interiormente, respondi – Não. Moro na Trindade.

– Na Trindade? Onde? Naqueles prédios?

– Não, no momento moro numa casa, mas estou me mudando para um apartamento.

– Sozinha?

– (?!) Não, com os meus filhos.

– Pequenos?

– Não, adultos.

– De que idade?

– Vinte e sete, vinte e quatro e dezoito (à época).

– Trabalhas aqui, no comércio?

– Não. Sou professora.

– É? Em que colégio tu dás aula?

– Eu não trabalho em colégio e no momento não estou dando aulas.

– Por que?

– Estou fazendo uma pesquisa. Enquanto isso descíamos a Deodoro.

Ah, porque se não tu podias mandar um currículo pra uma escola que tem perto da minha casa. (Por que cargas d’água eu levaria um currículo para a escola que tem perto da casa dele? Pensei, mas não falei, até porque sabia a resposta). Ele continuou o inquérito:

– E… Qual é o teu nome? Eu disse. Também perguntei o nome dele.

– Rudinei. Ele respondeu.

– E o que tu fazes na vida, Rudinei?

– Sou fotógrafo.

– É uma profissão muito interessante.

– É, o problema hoje é a concorrência. Tá meio difícil. Esse ano eu fiz uns trabalhos pro Dário, mas quero ver se consigo trabalhar com o Luiz Henrique. E… Onde é que tu vás passar o Reveillon? (Ele emendou, sem rodeios). Na Beira Mar?

– Não, em casa.

– Sozinha?

– (rs) Com a minha família.

A essa altura, havíamos chegado à Igreja de São Francisco onde eu acenderia minhas velas e deixaria meus habituais pedidos a Nossa Senhora Desatadora dos Nós.

– Fico por aqui, eu disse. Ele pareceu decepcionado, já que isso interrompia a conversa, e eu me sentia aliviada, pois já via a hora em que ele pediria meu telefone.

É? Tá…

 – Olha, Rudinei, eu desejo que tenhas um Feliz Ano Novo. Tomara que consigas o trabalho com o Governador e que tudo dê certo pra ti.

 – Pra ti também, ele disse, e saiu andando na direção do Mercado Público. Fiquei a observá-lo. Não era meu tipo, mas era inegavelmente um homem valente, do tipo que luta pelo que quer. Entrei na Igreja tomada por uma absoluta certeza: Deus existe. Só precisa melhorar a pontaria.

* Rudinei é um nome  fictício

Ilha de Santa Catarina e de Cascaes

Ano da Graça de 2005

 

Anúncios
This entry was posted in Uncategorized and tagged , , , , by Norma Bruno. Bookmark the permalink.

About Norma Bruno

Vivo na Ilha de Santa Catarina desde que nasci. Sou de aquário, portanto já nasci aluada, mas contraditoriamente, não me dou bem com tecnologia e gosto mesmo é de coisa velha. Fiz muitas coisas, deixei para trás outras tantas, tenho muito por fazer. Coleciono cenas urbanas, rendas de bilro e revistas antigas. Escritora amadora em todos os sentidos, invento coisas, conto histórias. Livros publicados: - Prosa, quase Poesia - ou vice-verso - Tempo Editorial. 2015 - Cenas Urbanas e Outras Nem Tanto. Bernúncia Editora. 2012 - A Minha Aldeia Editora Papa-Livros. 2004. - Leia Crônicas da Desterro no site www.carosouvintes.org.br

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s