Momento Gourmet: Focaccia com Pimenta Malagueta

Culinária Passional Passo a Passo

Ingredientes

01 garrafa de vinho ( tinto, de preferência)

03 xícaras de trigo (uma integral, se desejar)

01 colher (chá) de açúcar granulado (eu usei demerara)

03 colheres (sopa) de cebola desidratada

05 dentes grandes de alho cortados ao meio e banhados em

03 colheres (sopa) de azeite de oliva (o azeite será usado na massa)

01 xícara de água morna

02 colheres (chá) de fermento para pão

02 colheres (sopa) de queijo parmesão (opcional)

½ xícara de pimentão vermelho picado

½ xícara de azeitonas verdes picadas

Alecrim fresco a gosto

Sal a gosto

01 pimenta malagueta das grandes

Sua música preferida

 Modo de fazer

Encha uma taça de vinho.  Beba.

Ligue a “radiola”. Eu usei João Bosco e Maria Bethânia. Uma mão bem cheia. A ordem de adição é irrelevante porque o estrago é o mesmo. Se não gostar de ambos – algo que não compreendo, mas respeito -, use o que for da sua preferência desde que eleve o ritmo dos batimentos cardíacos (*Pagode, Axé e Sertanejo nível médio ou universitário costumam desandar a receita).

Ato contínuo:

Aquecer o forno a 200º. Numa tigela (aqui em casa não tenho bowl, só tigela) misture a farinha, o sal, o açúcar, o fermento, a cebola, o alecrim e o queijo. Adicione o azeite e a água morna.

Trabalhe levemente a massa até que fique lisa e macia. O vinho confere leveza e suavidade às mãos, então, beba. Não é necessário sovar a massa. Basta amalgamar os ingredientes e deixar a massa descansar em vasilha coberta com um pano umedecido em água morna até que dobre de tamanho o que leva de 20 a 30 minutos.

Passado esse fragmento de tempo – e aqui o alerta: o vinho pode desencadear indagações filosóficas acerca da inexistência do Tempo tal qual o concebemos e daí para passar aos questionamentos sobre a natureza do Universo e a consequente desandada da massa é um pulo.  Então, beba para esquecer os questionamentos -, desinfle a massa e estique-a com os dedos em assadeira untada.

Pincele a superfície com o azeite d’alhos e alterne os tufos de alecrim com os pedacinhos de pimentão, o alho cortado e as azeitonas. Faça covinhas pressionando os temperos na massa. Forme um desenho bonito. Enfeite bem porque admirar  o belo é parte do prazer. Decore com o restante do alecrim e leve para assar por aproximadamente 20 minutos ou até dourar.

Se algo der errado aumente a dose de João Bosco, de Bethânia ou de vinho. Tudo se ajeita.

E antes que alguém me pergunte: – E a Malagueta?

Eu respondo: – A pimenta é pra morder caso pinte uma saudade.

DSC05093

 

 

 

 

 

Anúncios

3 comentários sobre “Momento Gourmet: Focaccia com Pimenta Malagueta

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s