Enquanto Espero a Massa do Pão Crescer…

O Paraíso deve ser uma grande Padaria onde a gente se serve de pão fresco e de sonho à farta! De um lado fica a Biblioteca do Borges. Do outro, a Taverna do Pierre Aderne onde todo fim de tarde rola vinho e um fado bem temperado. Em frente está a Cafeteria do Seo Fernando que vez por outra é internado, coitado, porque imagina ser outras Pessoas.

Pão

*imagem capturada na Internet

Anúncios

4 comentários sobre “Enquanto Espero a Massa do Pão Crescer…

  1. Pois, menina, você acertou na taverna, pois o Pierre vai mesmo abrir uma em Lisboa. Gostei demais da vizinhança que você armou, porque o padeiro deve ser português. Êta pão bão. Êta vizinhança boa. No mínimo, Nha Norma mora na esquina, pertinho pertinho.

    1. Sim, meu caro. Primeiro eu finquei os alicerces da morada, depois escolhi a vizinhança, que eu não sou boba. Caso seja do teu interesse, restam umas moradas vazias nos arredores. Te esperamos no Sarau Vinho & Poesia.

    1. Certamente que sim! Mas imagino que certas iguarias celestiais sejam exclusivas para os espíritos mais evoluídos, os seres angélicos, os iluminados. Grata pela visita, querida, Fátima!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s